domingo, 23 de agosto de 2015

Sem cabeças para nada... Nem a minha.


Sim, é uma tristeza mas... Eu só tenho mesmo essas coisinhas feias para mostrar. Não é que eu não esteja pensando no blog, muito pelo contrário: a partir de amanhã, e com um acontecimento especial para dia 31/08 (É surpresa!), o blog ganha atenção especial mas... Desenhar mesmo, tem sido sofrido - esses rabisquinhos no sketchbook A6 da TeNeus tem sido tudo o que eu consigo fazer, enquanto tomo o meu leitinho pela manhã e a Lívia ainda não percebeu que a mamãe tem lápis/lapiseiras/canetas legais nas mãos.

Dica: Para quem está em São Paulo, e tem acesso fácil ao metrô, eu recomendo dar um pulo em uma das lojas Daiso (endereços aqui: http://www.daisojapanbrasil.com.br/). Como quase tudo por lá é 6,99 (a alta do dólar quebrou um pouco a coisa do "preço único"), tem uma caneta tinteiro bem legal por 6,99 - simples, mas funciona bem para quem quer ter uma pena para rabiscar sempre à mão.



Estou tentando me forçar a desenhar de imaginação ultimamente, mas está difícil... Ainda falta saber de fato o que eu gostaria de estar desenhando. Figura humana sempre alegra a moça aqui, então eu vou tentando.

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Confortando e perturbando há 35 anos!

Voltando! Nesse domingo eu completei assustadores 35 anos. Agora não faço mais parte da faixa "jovens" das pesquisas de marketing (que vai até os 34 anos), pago plano de saúde em uma faixa mais cara e não posso mais, definitivamente, fazer cara de "WTF???" quando alguém quer ser gentil e me chama de senhora. É... Sabe aquela história de que "depois dos 18 o tempo voa"? Clichê! Mas real.

Como estou distante daqui há algum tempo, estou recomeçando como se nada tivesse acontecido -- às vezes é necessário. Quando o tempo é escasso, ou a rotina leva o melhor de você, não adianta ficar se martirizando e pensando no que você faria se estivesse em uma bolha imaginária de tempo e possibilidades. Como eu disse: um dia você tem 18, no outro tem 35 e se não tomar cuidado, quando olhar outra vez tem 80.

Rabisco feito no dia do aniversário
em "comemoração".
Mais em: https://instagram.com/prixcnunes/
E eu já olhei por todos os ângulos: não consigo ficar sem meus rabiscos. Se eles não são (ainda, haha) nenhuma obra-prima, eles têm o efeito de manter algo da minha sanidade. A arte, com minúscula ou maiúscula, tem esse efeito. Às vezes eu esqueço disso e acho que dá para correr longas distâncias sem ela... Não dá. Espero lembrar disso nos próximos 35 anos.

segunda-feira, 20 de julho de 2015

Rabiscos da meia noite.

Estou com novidades em andamento para esse blog... Mas enquanto elas não chegam, eu fico postando os rabisquinhos da meia noite (aqueles feitos depois que a bebê dorme) no Instagram!

Dá uma olhada lá:
https://instagram.com/prixcnunes/

E junte-se ao meu coro "eu preciso de um celular com uma boa câmera", rs.

quarta-feira, 1 de julho de 2015

Rascunhos para trabalho


Voltando a desenhar em lápis vermelho no sketchbook... Por quê? Porque eu gosto, rs. Na verdade a ideia é escanear o rabisco a seguir e usar de base para vários treinos: arte final em nanquim, pintura em lápis de cor, pintura em aquarela e, se aguentar, acrílica.

Quero ver como fica em diversos acabamentos... Vamos ver.

sexta-feira, 26 de junho de 2015

Quase lá...

Quase terminando o meu estudo/releitura em lápis de cor de "Oddball" da Lisa Ober... Enquanto ela foi maluca de fazer gigante em pastel, eu fui maluca em fazer A4 em lápis de cor.  Sei que vocês já devem estar cansados de ver WIPs desse daqui, mas prometo que até quinta-feira que vem eu termino... Agora só faltam as sombras e o fundo.

terça-feira, 9 de junho de 2015

Mandalas ao Vento - Meu livro de colorir e pintar está à venda!

Se você não pode com eles, junte-se a eles! Tendo esse lema como mote, me juntei a febre mundial que quer colorir e pintar livrinhos e lancei o meu próprio livrinho de colorir. 

O livro se chama "Mandalas ao Vento", e a capa é essa que você pode ver aqui -- são 52 duas mandalas inspiradas em padrões geométricos e rosas dos ventos (aquelas utilizadas por navegadores, projetistas, arquitetos para identificar o Norte, Sul, Leste e Oeste -- além das outras sub-direções).

Foi bem divertido fazê-lo e agora ele está à venda exclusivamente no Clube de Autores, com preço promocional até o dia 12/06.

O link do livro está aqui:
https://www.clubedeautores.com.br/book/187955--Mandalas_ao_Vento

Mais detalhes sobre o livro, você encontra a seguir -- ou na página do blog no Facebook (https://www.facebook.com/sketchblock.com.br).

Exemplos de mandalas que você encontrará no livro.


Descrição na contracapa do livro.

sábado, 6 de junho de 2015

Tudo que é "não perecível", perece!

Sem tempo, oportunidade e força de vontade para vencer a resistência ultimamente, então só deu pra dar um tapa num rabisquinho descompromissado -- encontrei meus "toquinhos" de lápis de cor aquareláveis que não uso há muuuitooo tempo (na aula usamos apenas os comuns). Acabei ficando triste... E nem só com o resultado do rabisquinho mas... Descobri que se sua casa for muito úmida, seus lápis de cor "não perecíveis" acabam perecendo sim! As pontas estão esmigalhando enquanto eu coloco no papel... Mal eu para pintar, então acabei passando um pincel com água por cima e... Continuou não dando muito certo. Tudo bem, era um rabisco descompromissado de quem estava de saco cheio de não conseguir sentar a bunda para fazer algo para si mesma mas... Nem por isso eu deixo de ter expectativas.

terça-feira, 19 de maio de 2015

Negócios inacabados

Veja em mais detalhes em: https://flic.kr/p/r1Q9HH
Releitura/Estudo de "Snickers" de Marcello Barenghi
em Lápis de cor (Linha Vermelha, Faber Castell em Canson C-grain 220 g/m²)
Estou entrando no quarto mês das aulas de Pintura em Lápis de Cor... Então começou a bater um peso na consciência que o primeiro trabalho não estava acabado -- estava faltando terminar o fundo cinza e acrescentar a sombra para poder dar o trabalho como concluído.

Mesmo quatro meses sendo um período muito pequeno para falar em "desenvolvimento", eu já consigo sentir boas diferenças -- a primeira é que, embora o professor ainda me lembre constantemente para cobrir a porosidade do papel, eu já faço isso bem melhor agora do que nesse primeiro desenho. Em caso de dúvidas, é só comparar o desenho aí em cima, com o último desenho dessa postagem (o andamento da releitura/estudo de Oddball).

Estojos complementares da Caranmo que vão junto, dentro da bolsa da Derwent
e o início dos lápis Faber Castell. Sim, eu tenho 2 de cada cor.
Outra coisa que veio com as aulas é que finalmente estou usando a minha bolsa da Derwent como ela merece... (Para quem não a conhece, é só clicar aqui). Antes ela acabava funcionando como arquivo de material (cabe 132 lápis/canetas/pincéis nela), mas agora esta completamente equipada com 2 caixas de Faber Castell comum de 48 cores (Linha Vermelha Escolar, não aquarelável), uma caixa de Giotto de 12 cores, uma caixa de 12 cores de Cretacolor Aqualith e mais 8 Lumographs graduados de H a 7B da Staedler... E os estojos soltos da Caranmo que você vê na foto tem mais uma caixa de 12 Aquareláveis da Caran D'Ache, e uns 16 Prismacolors Verithin comprados avulsos.

Esses estojos da Caranmo são de fato estojos pequenos para pincéis... Mas comprei alguns há uns anos e viciei. Eles são ótimos para guardar lápis de maneira temática. Tenho um com o básico de preto e branco para passeio, esse com os Verithin era o meu básico de lápis de cor para passeio... Fica bem seguro, compacto e cabe na bolsa sem problema (com a vantagem que você enxerga bem o que está disponível, odeio ter que ficar revirando estojo cheio em busca de lápis para pegar todos, menos aquele que você quer).

Continuação dos lápis de cor acima. Sim, eu tenho TOC para arrumar por tonalidades.
Não mostrei tudo aqui nas fotos mas acho que é de dar água na boca para quem gosta de lápis de cor não é mesmo? Eu coloquei uma "meta" de que só posso abrir a caixa dos Prismacolor Premier de 132 cores para desenhar quando eu conseguir acabar com esses 96 da Faber Castell -- em trabalhos, esteja bem dito (tacar fogo nesses e abrir a outra caixa não é uma opção).

A próxima vítima desse meu "desejo de reparação" deve ser o desenho da Coca-cola que eu comecei algumas vezes e não terminei nenhuma -- tem até como escolher que opção terminar. E enquanto isso, eu trabalho em aula com a releitura/estudo abaixo. Estou louca para ver terminado.

Estado do dito trabalho em 17/05/2015.
Só para dizer que eu não deixo mais a porosidade do papel aparecer tanto.