quarta-feira, 3 de julho de 2013

Desenhando no Frio... Começando Julho.

Começando Julho com uma meta: acabar de uma vez com esse sketchbook atual. Não que eu esteja com raiva dele, mas quase: ele parece mágico, não acaba nunca. Com esse sketch de hoje ainda faltam 17 páginas... Na próxima escolha eu vou para um modelo mais breve (70 folhas no máximo, como nos sketchbooks da Tilibra).

Sei que eu já venho dizendo isso há um bom tempo mas -- eu preciso de uma prática deliberada em alguns aspectos, e rever o que eu faço no sketchbook. Esse desenho, por exemplo, é algo que não dá para colocar no sketchbook: é o tipo de trabalho que não se resolve em duas, três horas -- ou se resolve assim, mal acabado em diversos aspectos. No começo do ano, eu me comprometi a fazer 25 minutos de prática todos os dias... Mas o que acontece mesmo é que em alguns dias eu fico 02, 03 horas em um desenho como esse -- e depois passo vários dias sem encostar no caderno; preciso equalizar essa questão.

Tenho alguns chutes sobre ações necessárias:

  • Separar prática de trabalhos: uma coisa é gastar 25 minutos em prática, outra coisa é tentar fazer algo ficar bonito... Não dá para confundir essas coisas.
  • Preciso voltar para a prática de figura humana completa -- evitar copiar apenas alguns aspectos, como acontece nesses casos de desenho com referência fotográfica.
  • Praticar, urgentemente, sombreamento e acabamento.
Estou começando a considerar também incluir alguns dias com lápis de cor nessa prática -- o álbum de estudos desse ano está muito preto e branco.


O rabisco que ilustra o post...

Rascunho 46

Nenhum comentário:

Postar um comentário